sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

onde o medo se esconde?

Onde o medo se esconde?

O que em ti ele rouba?

Aonde ele te impede de ir?

Quais foram os sonhos que ele desfez

No meio da poeira enevoada da preguiça?

Quais foram as magoas que ele cravou

Como algemas no meio da tua carne?

O que eu a faço agora?

Com esse sentimento de insatisfação

Eu junto todo ele...

E transmuto em esperança de vida

De saber que ele nunca mais me afetara

Da forma que me corroeu no passado

Mas mesmo assim o que será do meu amanha?

A insatisfação de saber que muito eu já deixei

Na expectativa enterrado, quem sabe pra sempre.



13 comentários:

Juηiøя - ล∂๏ℓэร¢эи†э ลи†эиล∂๏ disse...

Cara hoje eu tenho aula de literatura, meu professor curte esse tipo de texto muito massa brow

Karla Hack dos Santos disse...

Muito bom!
Gosto como seus pensamentos fluem através de versos...

Parabéns!

;D

Download FNB disse...

man... tow seguindo seu blog aew

retribui a força lah ??

www.festanabahia.com

valew

Luis Sapir disse...

Como o texto mesmo diz, o medo vem do passado. Vem dos traumas e eles está alojado em nossas cabeças baseando-se nas informações que temos e nas experiências que vivenciamos.

Na verdade, o medo é bom e ruim. Bom porque nos coloca em um lado racional e as vezes nos impede de fazer besteiras. Ruim porque isso pode desencadear uma onda insegurança, deixando a pessoa absolutamente restrita.

Victor Von Serran disse...

Adorei....quer ver a continuação...?

vai no meu blog !!!

abraço

http://universovonserran.blogspot.com

M!sunderstood disse...

Será que o medo se esconde bem dentro de nós, num lugar profundo onde tentamos esconder, por medo do nosso próprio medo?

seu texto me lembrou um pouco o 'congresso internacional do medo' do CDA

adorei a postagem. Um beijo, M!sunderstood

Rodrigo Ferreira disse...

Adorei seu blog. Esse Poema muito macrabo adoro.
Abraço

To te seguindo
abraço

joão victor borges disse...

O medo paralisa as pessoas. Vida paralizada não é vida.

Abraço! ;)

http://anpulheta.blogspot.com

ativista disse...

Parabéns ai pelo blog parceiro.
da hora viu,seguindo,segue ai tbm.
http://hiphopactivistface.blogspot.com/

@blackziinha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tanny disse...

o medo mexe comigo ao ponto de me fazer vomitar

tenho muito medo de palhaços e mímicos.

também tenho medo de serial killers (não de ler a história deles,o modus operanti...mas de cair nas mãos de um hehe)

ontem eu estava louca pra fumar,era 1 da manhã e o muro da minha casa é super baixo,apesar do bairro ser seguro.
dei um trago,dois...o medo falou mais alto,joguei o cigarro longe e entrei correndo pra dentro de casa com medo de um assassino estivesse de tocaia no meu quintal,pode?

kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

amei os textos,já tô seguindo o blog
<3

Anton Alegrin o Ant-Pierrot. disse...

psé tanny o medo é uma contante na minha cabeça...há sempre vozes me fazendo ter medo de algo...eu mesmo me auto-saboto... na maioria das vezes consigo controlar pelo menos nessa fase da minha vida mas ao custo de uma ansiedade bem grande :(

Herica Zorek disse...

Parabéns! os poemas passam mt emoção!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...